jeudi 3 juillet 2014

A identidade da Jesus


Três coisas que você deve saber
sobre a identidade de Jesus de Nazaré

Apesar de estarem convivendo com Jesus, os discípulos ainda não entendiam bem quem ele era. Mas pela graça, Pedro, Tiago e João tiveram a oportunidade de presenciar um momento maravilhoso, que abriu a possibilidade de compreensão da majestade de Jesus.

Marcos 9.2-8 "Seis dias depois, Jesus foi para um monte alto, levando consigo somente Pedro, Tiago e João. Ali, eles viram a aparência de Jesus mudar. A sua roupa ficou muito branca e brilhante, mais do que qualquer lavadeira seria capaz de deixar. E os três discípulos viram Elias e Moisés conversando com Jesus. Então Pedro disse a Jesus: Mestre, como é bom estarmos aqui! Vamos armar três barracas: uma para o senhor, outra para Moisés e outra para Elias. Pedro não sabia o que deveria dizer, pois ele e os outros dois discípulos estavam apavorados. Logo depois, uma nuvem os cobriu, e dela veio uma voz, que disse: Este é o meu Filho querido. Escutem o que ele diz! Aí os discípulos olharam em volta e viram somente Jesus com eles".

Ao lado de Moisés, o grande profeta do Antigo Testamento, eles puderam se lembrar da ordem que o povo de Israel recebera: Do meio de vocês o Eterno escolherá para vocês um profeta que será parecido comigo, e vocês vão lhe obedecer. Deuteronômio 18.15. Maior do que Moisés, Jesus é o Profeta prometido e a ele todos nós devemos obedecer.

Ao lado de Elias, um homem tão amado que Deus o escolheu para estar com ele, sem passar pela morte, os três discípulos também puderam se lembrar das palavras do Deus Eterno a Isaías (42.1): O Senhor Deus diz: Aqui está o meu servo, a quem eu fortaleço, o meu escolhido, que dá muita alegria ao meu coração. Pus nele o meu Espírito, e ele anunciará a minha vontade a todos os povos.  Jesus é o escolhido, o Ungido de Deus. Ele é o Cristo.

Porém, mais que Profeta e o Cristo de Deus, Ele é o Filho. Ou, como diz o Salmo 2.7: O rei diz: Anunciarei o que o Senhor afirmou. O Senhor me disse: Você é meu filho; hoje eu me tornei seu pai.

Sim, Jesus é o Filho. E a voz do Deus Eterno, ali no monte da transfiguração, declarou: Este é o meu Filho querido. Escutem o que ele diz!

Querido irmão e irmã, a este Jesus, que é o Profeta, o Cristo, o Filho, devemos ouvir. Ou seja, devemos obedecer, porque por graça fomos feitos filhos adotivos do amor de Deus. Uma boa semana para todos e todas, do pastor e amigo, Jorge Pinheiro.

Enregistrer un commentaire