lundi 30 novembre 2015

A estação do Advento

Pastoral
A estação do Advento

A palavra Advento vem do latim e significa aproximação, chegada. É um tempo de preparação para a celebração do Natal do Senhor. Neste tempo, celebramos duas verdades de nossa fé: (1) a primeira vinda, o nascimento de Jesus em Belém de Judá e (2) a segunda vinda de Jesus, a Parusia. 

Assim, comemoramos a vinda do Filho de Deus entre os homens e vivemos na alegre expectativa da segunda vinda dele, em poder e glória.

O tempo do Advento não tem um número fixo de dias e depende sempre da solenidade do Natal. Ele possui quatro semanas e, por isso, quatro domingos celebrativos. 

O terceiro domingo do Advento é chamado de domingo da alegria, porque nos alegramos com a proximidade da celebração do Natal. 

O tempo do Advento se divide em duas partes. 

A primeira, que vai até a segunda semana de dezembro e é marcada pela espera alegre da segunda vinda de Jesus. 

A segunda parte, nos dias que antecedem o Natal, se destaca pela recordação sobre o nascimento de Jesus em Belém de Judá. 

Dois personagens bíblicos ganham destaque na celebração do Advento: Maria e João Batista. Ela porque foi escolhida por Deus para ser a mãe do Salvador, e ele porque foi vocacionado a ser o precursor – aquele que preparou o caminho -- do Messias. Ela porque soube acolher a Palavra e aceitou dar luz à Jesus. E João porque soube esperar nas promessas do Deus Eterno e agir anunciando e preparando a chegada da salvação. 

Maria e João Batista traduzem a realização da esperança messiânica judaica e o anúncio da plenitude dos tempos.

A espiritualidade do Advento é marcada por três atitudes básicas: (1) a preparação para receber o Cristo; (2) a oração e (3) a vivência da esperança cristã. 

A preparação para receber o Senhor se dá na vivência da conversão e da oração. Precisamos ter um olhar atento sobre nós e sobre a realidade que nos cerca e nos empenharmos para correspondermos à ação do Espírito de Deus, que quer restaurar em nós todas as coisas. 

O relacionamento com (1) o nosso corpo e os nossos afetos, (2) com nossos familiares, (3) nossa participação na vida da igreja e social devem estar no foco de nossa atenção. A preparação para celebrar o Natal exige de cada um de nós, de todos nós, um propósito firme de renovação interior.

Adoremos! Cristo o Senhor está chegando! 
Do pastor e amigo, Jorge Pinheiro. Pastor 

No domingo, 29 de novembro de 2015 celebramos na Igreja Batista em Perdizes o primeiro domingo do Advento.



Enregistrer un commentaire